Sunday, November 18, 2012

Freemium games precisam de ads?


O que vocês acham de clicks/video/etc incentivado nos games?

intrusivo? corrompem o gameplay?

A apple tem combatido fortemente e barrado algumas apps que usam o download incentivado...
http://www.guardian.co.uk/technology/appsblog/2011/apr/20/apple-iad-offers-ban

Por outro lado a king.com (que vem crescendo muito no facebook e tá se estabelecendo aí em segundo lugar) tem uma receita forte de ads vindo disso. Aumentou em 2012 10x inclusive o que vem de ads.
http://www.prnewswire.com/news-releases/kingcom-advances-social-games-advertising-to-the-next-level-with-innovative-suite-of-ad-solutions-179476711.html

pra jogos freemium será que a receita de ads é essencial? GREE e DeNA já disseram que é menos de 15%, no caso da GREE 7% (relevante mas não essencial pra eles)...
http://www.guardian.co.uk/technology/appsblog/2012/may/09/gree-and-dena-financial-results

Mas a Glu disse que tapjoy - uma das startups que trabalham com o click incentivado - foi o que deixou a monetização do Gun Bros saudável (ou seja, receita por usuário > custo de aquisição)
http://www.pocketgamer.biz/r/PG.Biz/Gun+Bros/news.asp?c=28012

Saturday, July 28, 2012

E a Zynga?

A seguinte matéria apareceu no gamasutra esses dias, falando sobre os possíveis problemas da Zynga e uma investigação pra saber se os mesmos não estariam enganando ninguém...


Zynga CEO cashed out for $200M before stock implosion 


Pra quem tá com preguiça de ir lá ler, basicamente o que aconteceu foi que muitos dos investidores da Zynga "se livraram" de parte das ações antes da abertura da empresa na bolsa e com isso ganharam muito mais grana do que ganhariam hoje, com as ações em baixa. E um deles, aliás o que ganhou mais grana, foi o fundador e CEO Marcus Pinkus.

O que não é de surpreender, todo o hype criado pela zynga vem de muito, muito tempo atrás e principalmente de gente sem o conhecimento do domínio. Digo sem conhecimento por que a galera que saca mesmo de jogo, como a Popcap, "não quis" a Zynga.

A frase crucial na matéria inteira é do CEO da EA em carta aos empregados da Popcap, após a aquisição, explicando o por que dos líderes da Popcap terem escolhido a EA e não a Zynga: "...the respect that EA shows for games and the teams that create them". Em bom português, a EA respeita os jogos e as equipes que os fazem.

Conhecimento do domínio, nesse caso, de Casual Games, é fundamental. Teco Sodré, empreendedor e investidor, em post no grupo Startup-PE do facebook postou o seguinte:
Max que fundou o StartupGenome, publicou isto aqui na área de BLOGS da Harvard Business Review. a conclusão dele é : "We started with the dynamic duo of the businessman and the engineer. Recently we added the designer. Now if want to continue to create products that scale into billion dollar companies, create thousands of jobs and transform society, we need to add domain experts to the founding DNA of Technology Companies." Concorda? Sua empresa já tem o seu domain expert?

Fica a pergunta, quem é o domain expert em Casual Games da Zynga?  

E aí, pouco mais de um ano depois, a Zynga tá indo pro buraco e levando o Facebook junto. Até por que a Zynga responde por basicamente 10% da receita de Facebook. Ou seja, Zynga caiu 40% enquanto o Facebook caiu mais 6%. Até quando isso vai?

E a EA e o Popcap, como estão? Nem tão bem... mas já é assunto pra outro post.

Sunday, February 5, 2012

+GGJ 2012: Review


o que achei da Jam, qual a experiência de participar de um evento desses...

depois de vários posts falando sobre os jogos que foram criados durante a global game jam falar um pouco nesse post sobre a experiência de participar do evento e de organizar um dos sites de Recife, na Manifesto.


Nunca tinha participado de uma Jam. Em 2009 fiz uma pequena palestra num dos sites que tava rolando em Recife e só. Esse ano resolvi ver qual é e me inscrevi no site da IGDA - Recife no CESAR.

As vagas, que eram quarenta se não me engano, foram acabando rapidamente e o pessoal na Manifesto tava super afim de participar e não teria local. Assim, resolve inscrever a Manifesto como mais um dos sites em Recife, que além do CESAR já tinha o Centro de Informática da UFPE que abrigaria o pessoal do projeto NAVE da escola Cícero Dias.

Muitos da Manifesto participaram e também o pessoal da C2Flag. A lista com os jogos prontos eu já coloquei aqui num post anterior.

Organizar uma GGJ para 12 pessoas não é nada complicado. Basicamente seguir as instruções do pessoal da IDGA, comprei o almoço do pessoal no sábado e um lanche. E dei as instruções de cadastro e envio do jogo que são bem simples. Acredito que o pessoal com sites de 50+ seja realmente um problema, no meu caso não foi. Ainda deu tempo de participar, fazendo um dos jogos...

Como jammer, foi uma experiência muito massa. Única!

Nunca tinha programado, pra valer, um jogo em Flash e fui o único programador do jogo. Aprendi muito.

além disso acho que o jogo ficou bem legal, ficou um pouco difícil no começo mas quando o cara pega a  manhã fica interessante. lembra o antigo jogo da cobrinha que tinhas nos celulares.

a criação da idéia foi super simples. guilherme, artista da manifesto, já tinha todo o jogo em mente e a gente simplesmente seguiu. parecia ser um gameplay legal, e era factível em 48 horas.

Os daqui da Manifesto em geral também ficaram legais, principalmente a arte. Muito boas. Os jogos em si, não achei que ficaram em um estágio legal para avaliar se ficarar bons ou não.

Não joguei os do CESAR ainda, joguei todos do Cin menos o Crominis que não consegui instalar.

O Mad gravity e o Rapisco ficaram muito bons! Realmente me surpreendeu. Inclusive, o Rapisco tem uma mecânica muito parecida com o Planet Crusher Monkey que o pessoal fez aqui na Manifesto.

O tintotauro achei o mais fraquinho. Não acho que a mecânica é escalável também. Vai ser no máximo isso que tá aí mais uma coisa ou outra como power-ups e tal.

Como minha primeira Jam participando de vera e organizado. Achei muito do kralho :D Agora é esperar a próxima. A coisa foi tão legal que provavelmente faremos outras locais enquanto a GGJ 2013 não chega.

Thursday, February 2, 2012

+GGJ 2012: Planet Crusher Monkey

afim de jogar? saca mais um joguinho feito na game jam pelo pessoal lá da Manifesto e da C2Flag. Mais um desenvolvido lá na Manifesto durante a GGJ. Esse é o Planet Crusher Monkey de Frank Malcher, Michelle Oliveira, Diego Torres, Leonardo Menezes e Átila Moreira.


You are a survivor monkey. You must flee the planet.
Click the mouse button to Jump. Jump to avoid obstacles and break the ground... Break the whole planet to escape!

Tuesday, January 31, 2012

+GGJ 2012: Garbageater

tá afim de jogar? Mais um da GGJ lá na Manifesto... Esse de Pablo e Glauco.
In this game, you, as Garbageater, must eat as much garbage as you can. But the more you eat, the larger you get, meaning that your movements will be harder to execute. Throughout the game there will be tasty food to eat and obstacles like bombs and spikes to evade! Do your best to weight as much as you can in 45 seconds, before you reach the thrash dumpster!

Monday, January 30, 2012

+GGJ 2012: Em Recife

Global Game Jam, jogos em 48 horas, em Recife foram feitos 14, veja quais...

Esse fim de semana rolou a Global Game Jam. Evento mundial organizado pela IGDA (International Game Developer's Association) que contou com a participação de mais de 10 mil pessoas espalhadas em mais de 200 sites autorizados a rodar o evento.

Em Recife tivemos três sites: O da IGDA-Recife no CESAR, um nosso e da C2Flag lá na Manifesto Games, e no Centro de Informática com os alunos do Oi-NAVA da Escola Cícero Dias.

No final da Jam tivemos 14 jogos completados e enviados para o site do evento. Abaixo um link para a lista de jogos de cada um dos sites.


NAVE Recife (ETE Cicero Dias) games


Manifesto Game Studio games


IGDA Recife - C.E.S.A.R. games



Já coloquei o jogo que fiz aqui no blog em um post anterior e em um página dedicada para quem quiser jogar. O Uni.on também está em um post. Vou colocar o restante nos próximos dias. 

Abaixo, algumas fotos do primeiro dia de Jam na Manifesto!!





Sunday, January 29, 2012

+GGJ 2012: Uni.on

tá afim de jogar? saca mais um joguinho feito durante a Global Game Jam 2012 pelo pessoal da Manifesto e da C2Flag. Esse é o Uni.On de Allyson Vila Nova, Ruston Coutinho e Ícaro Moreira.



The player controls the snake's head and must make it bite its own tail located on the opposite side of the screen. In order to reach the tail, the snake must eat parchments that will appear across the screen. Each time a parchment is eaten, the snake's head stretches itsef towards the tail.
On the other hand, the player must also avoid being hit by the flying meteors who will pass through the game. Each time the head is hit by a meteor, it will retract itself, driving the player further from its goal.
The player can move the snake's head upward or downard by positioning the mouse cusor below or above the the snake's head and holding the left mouse button. The longer you hold the left mouse button, the higher (or lower) the snake will go.

GGJ 2012

Global Game Jam 2012, tá aí o Dave the Penguin! Get Adobe Flash player

Saturday, January 7, 2012

Jogos que fiz [games i made...]: Emaranhado

Olá pessoal, esse é o primeiro post do que eu espero ser uma série na qual eu falo dos jogos em que tive o prazer de participar, de algum modo, na concepção e execução do mesmo.

O primeiro jogo da série será o Emaranhado. O Emaranhado é um jogo que faz parte da plataforma da Olimpíada de Jogos e Educação (OjE) da Joy Street. A OjE é composta atualmente por uma plataforma, que chamamos de jogo mestre, milhares de questões estilo ENEM, que chamamos de enigmas, e por algumas dezenas de jogos, que chamamos de mini-jogos. No site da Joy tem bastante informação, mas esse vídeo do youtube resume bem tudo: http://www.youtube.com/watch?v=HiChC8RczDk. Se você tem um perfil mais acadêmico e gosta de papers, pode ler um artigo muito legal sobre a OjE aqui.

Atualmente é possível jogar os jogos da OjE no site da Olimpiada do governo de pernambuco nesse link. Basta se cadastrar como visitante, o que é possível apenas respondendo um pequeno questionário, e depois acessar a Arena Master. Na Arena Master você tem acesso a vários jogos da OjE. Cada um com uma lista de desafios fáceis, médios e difíceis. Então, para jogar o Emaranhado (jogo que vamos conversar sobre nesse post) basta ir lá, se cadastrar e acessa-lo pela Arena Master (ele é o primeiro jogo da lista no botão mais a esquerda).

O post é longo, sugiro escutar uma música legal durante a leitura. Que tal um rock recifense: Diablo Motor.